terça-feira, 4 de setembro de 2007

Oprah & Phil

Não há como escondê-lo: a minha patologia está francamente pior. Continuo fechada em casa a maior parte do tempo, entre fraldas e biberões, ao ponto de ouvir o meu QI a diminuir à velocidade da luz e a minha costela de dona de casa a aumentar ao ritmo da população africana. O resultados destes três meses de clausura, como será de prever, não é lá muito auspicioso: agora, estou viciada em talk shows.

Um dos pontos altos do meu dia chama-se Oprah e vejo todos os programas sem falhar, bebendo cada palavra por ela pronunciada. Há dias, o tema era “Going Green” e tinha a ver com a redução do consumo de energia, com a reciclagem e com a preservação do planeta. Vi tudo atentamente e poucos minutos depois dei por mim transformada numa activista ambiental.

Agora, passo a vida a apagar luzes, a controlar cada pingo de água, a usar o mesmo copo durante todo o dia e a morrer de complexos de culpa sempre que deito uma fralda para o lixo. Qualquer dia pego em mim, inscrevo-me no Greenpeace e vou salvar baleias num barco insulflável, algures para o Japão. Ou destruir um campo de milho transgénico, que pelos vistos está na moda e dá direito a tudo quanto é tempo de antena.

Depois, há o Dr. Phil... Gosto dele porque me faz sentir normal, em comparação com as pessoas que entrevista, e porque é um dos poucos seres humanos que pode perguntar a alguém (como já o vi fazer) se tem danos cerebrais - e que ainda é aplaudido por isso. O que eu pagava para fazer o mesmo. Ficava afónica num instante.

Escusado será dizer que sonho com a Oprah sentada no meu sofá para dois dedos de conversa e com o Dr. Phil sempre a postos dentro de uma lâmpada, algures entre os copos e as chávenas de café. Esta casa começa a ficar cheia...

6 comentários:

Vespinha disse...

Se te sentes ambientalista, está na altura de fazeres o teste da pegada ecológica... Ou tens medo dos resultados? :)

rosachok disse...

Quando estiveres com a Oprah no sofá... convida-me ;)

Danos mentais... hummm... no comments*

No assunto ambiente: acho que precisava ver esse programa... : (((

Mas afinal o que é esse teste da pegada ecológica... eu chumbo de certeza, mas sempre pode servir para dar um empurrãozinho!

Beijos verdinhos

Lara disse...

Cá para mim esses programas têm alguma mensagem que entra directamente no nosso cerebro e nos faz ficar presas à TV mesmo sem conseguirmos mto bem explicar tal fenómeno! O Dr. Phil tornou-se meu companheiro das manhãs (enquanto me despacho para vir trabalhar) e se muitas vezes chego atrasada a culpa é dele!!!!!!

docinho disse...

; ))) sabes o que te digo... acho que já apanhei a doença do MUNDO VERDE... na praia dava por mim a guardar as embalagens para não juntar com o lixo dito normal!!!
Isto para não falar na PATOLOGIA de guardar as tampas de plástico para o "Tampinhas"... sim... até nos restaurantes eu as roubo!!!!

Sinto-me bem assim... coisas!!!

Beijos reciclados

PS ; ) lembras-te do que te disse?...

docinho disse...

E as mães das crianças do início de Setembro são AQUELE must ; )))
hi hi hi

Beijos a piscar o olho

Xu disse...

Olha que eu não estive nem estou grávida e no entanto papo tudo quanto é programa desses. Por isso, quando te sentires desesperada pensa que no mundo existe uma alminha bem pior do que tu. E mais, volta e meia tem as mesmas reacções!!!

Definitivamente sou um caso perdido!

xuac ****