segunda-feira, 24 de setembro de 2007

120 Dias Depois...


Se não tivesse posto alguns dias de férias, hoje estaria de regresso ao trabalho. Ao contrário da primeira vez, estes 120 dias passaram a correr. E eu, que sempre achei que quatro meses são mais do que suficientes, que faz lindamente ir trabalhar ao fim desse tempo e que a vida é muito mais que fraldas e biberões, desta vez dei por mim feliz da vida pela simples perspectiva de uns diazinhos extra com baby C.

Ainda bem que são só dez dias, que pelo evoluir das coisas, se fosse um mês inteiro, transformava-me numa stay-at-home-mom e nunca mais voltava.

Quem me drogou, é favor acusar-se, por favor.

4 comentários:

rosachok disse...

Foi a baby que te drogou... com tanto mel ;)
Sabe bem estar com eles... mas palavras tuas... temos que continuar a nossa vida... qualquer dia eles vão e nós... ficamos cheios de netos!!! hihihihihi (versão adaptada!)

Beijos de avó... de bonecas!

PS sei que custa... mas também sei que vais tirar de letra ;)

sil disse...

Comigo foi igual...Tenho amigas minhas que após terem o 1º filho decidiram ficar em casa...Eu só dizia:_E onde fica a realização profissional???
Quando tive o JP achei que 3 a 4 meses (na altura eram só 3) eram mais que suficiente, já estava "desejosa" de trabalho...
Com o Afonso, eu só dizia:_Porque é que eu não ganho o Euromilhões para ficar em casa com os meus filhotes???

Bjos e Bom trabalho
Sil

docinho disse...

SEi bem o que dizes... tb pensei isso... que 4 mese chegava... que ia saber bem voltar... não soube... depois lá passou, mas os primeiros dias arrastei-me!!!
O que vale é que depois sabe bem matar as saudades... rever cada tracinho deles... delas ; )

Sabes o que te digo? cada vez sinto mais vontade de a guardar para mim... para que nunca tenha de a ver partir... ainda que isso a faça feliz ; )))

Aiii... olha... devaneios... já agora... descobre lá quem me drogou a mim também!

Lol...

Beijos marcação cerrada... hi hi hi

Cookie disse...

Sendo o trabalho inevitável, ter uma criança à nossa espera (ou como no teu caso, duas) é mais um bom motivo para um feliz regresso a casa ao fim de cada dia...
Nos dias mais dificeis vou contando o tempo que falta para voltar a ver aquele sorrisinho lindo da minha pequenita...

Boa sorte
(de mais uma drogada)