quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Do meu (nosso) brinquedo preferido

 
No outro dia perguntei aos meus filhos que brinquedo levariam para uma ilha deserta se tivessem que escolher apenas um de entre todos os que têm. Pensaram, pensaram... e ambos responderam a mesmíssima coisa: Lego. E eu ri-me para dentro: de facto, quem sai aos seus não é de Genebra!

Desde que me conheço que sou doida por Lego. Quando era pequena pedia sempre uma caixa nos anos e outra no Natal - e dedicava horas e horas dos meus dias a fazer construções intermináveis. Ainda por cima, como era meia maria-rapaz tinha um pouco de tudo, das casinhas às naves espaciais, tendo reunido um espólio de tal ordem que ainda hoje os meus filhos brincam com ele em casa dos meus Pais.

Este é um dos muitos motivos pelos quais adoro comprar Lego: porque é um brinquedo absolutamente intemporal, que passa de Pais para filhos sem perder o interesse ou a actualidade, é imensamente pedagógico, permite dar asas à imaginação e dá azo a combinações infinitas. Por outras palavras, a existir um brinquedo perfeito, ele será definitivamente uma caixa de Lego.

Vem isto a propósito da estreia (hoje) d'O Filme Lego, que recomendo vivamente. E do aproximar do Dia do Pai, para o qual aqui deixo três sugestões verdadeiramente irresistíveis:

Lego Sopwith Camel

Lego Volkswagen T1 Camper Van: um sonho antigo desta família!

Big Ben da colecção Lego Architecture

Se gostaram destas ideias, podem procurar mais aqui. Have fun!

3 comentários:

prontaevestida.com disse...

O meu marido adoro Lego. AInda não é pai, mas posso surpreendê-lo com um brinquedinho destes, que sei que vai adorar.

www.prontaevestida.com

Alexandra de Amorim disse...

Eu também era assim! E o pai cá de casa. E o mais novo. Todos fãs de Lego. :D

The gLiTtEr Side

Vespinha disse...

O pão de forma! O pão de forma!