sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Estou com o estômago às voltas...

...com a notícia do massacre de Newtown. Há pessoas que mereciam arder no Inferno. Para sempre. Grandessíssimo filho da puta.

10 comentários:

teardrop disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
teardrop disse...

Só posso subscrever inteiramente as tuas palavras...

Floripes Antunes disse...

Não consigo entender como é que depois de tanto massacre em escolas, centros comerciais, universidades, etc, as armas continuam a circular de forma totalmente live nos USA. Como é que não fazem leis a restringir o acesso, o uso e o porte. Não consigo mesmo!

Karma disse...

estas coisas deixam-me a pensar enquanto estudante de psicologia no PORQUÊ das pessoas serem assim. fico assustada com a recorrência com que massacres deste género acontecem, é certo que os media ajudam na divulgação e em criar polémica e escandalo desmedido à volta das situações e aproveitam para mexer da melhor forma com as emoções, mas o que é certo é que, efetivamente, tem havido mais parvalhões assim. Porque será? quem é que poderemos culpar? não é certamente APENAS culpa da lei de livre compra de armas, digo eu. Será que é o mundo a enlouquecer?
Tenho medo, e cada vez mais, do que nos espera no futuro com pessoas assim

mary disse...

é só o que me apetece chamar-lhe também. assaltou-me um ódio tão grande quando ouvi a notícia...

Mary disse...

Estou com a Karma: não pode ser "só" o quase livre acesso às armas. É algo muito pior. E crescente.

Floripes Antunes disse...

Karma e Mary.
Façamos o seguinte exercício. Vamos comparar os USA e o Canadá:
- Têm a mesma cultura,
- Mesmos canais televisivos,
- Mesmo tipo de informação jornalística,
- Mesmos hábitos,
- e por aí fora.
No entanto, o Canada tem uma lei de uso e porte de armas diametralmente oposta à norte americana.
Agora é pesquisar a quantidade de massacres e catástrofes com armas que acontecem num país e no outro.
See what I mean? Claro que não é o "só", mas é uma parte muito significativa do problema.

Atlântida disse...

Mary, não sei se a mãe terá tido, ou não, culpa no cartório, mas se teve, já teve o castigo: foi uma das vítimas do filho... Temos mesmo que a ofender?

Mary disse...

Floripes, é claro que o acesso facilitado às armas faz toda a diferença. Ainda assim, vai uma grande distância entre poder ter uma arma, comprá-la de facto e, pior ainda, utilizá-la. Para matar crianças.

Mary disse...

E sim, Atlântida, a Mãe já teve o castigo que eventualmente merecia...